Os principais tipos de materiais utilizados em janelas e portas

Os principais tipos de materiais utilizados em janelas e portas

by Alexandre

in Acabamentos

No momento da construção e na elaboração do projeto, surgem dúvidas sobre o tipo de acabamento para janelas e portas que melhor se adaptem a proposta e as principais necessidades dos clientes, como forma de evitar constrangimentos e mal estar na edificação.

A variedade de materiais para uso em janelas e portas pode proporcionar um excelente efeito visual e estético, para que isso ocorra, deve ser realizada a escolha do tipo de produto a ser empregado na obra, procurando harmonizar o projeto da edificação e as necessidades dos proprietários.

O projeto da edificação mostra qual a dimensão correta das aberturas de janelas e portas necessárias para a ventilação e iluminação adequada da moradia, por isso o tipo do material a ser emprego pode dar maior flexibilidade aos vãos ou restrições de seu uso, devendo ser estudado entre o cliente e o profissional da obra, qual será a melhor opção a ser empregada.

Os principais materiais para janelas e portas são:

  • Madeira;
  • Aço;
  • Alumínio;
  • PVC;

Estes materiais têm características diferentes, tanto em flexibilidade de dimensões, conforto térmico, acústico, resistência ao tempo e garantia do produto, dando a possibilidade de atender as diversas necessidades que proprietários procuram em janelas e portas.

Madeira

A utilização da madeira é uma exigência em projetos voltados a edificações mais rústicas, dando um ar de casa de campo e ao mesmo tempo sofisticação. O material de textura única utilizado em janelas e portas proporciona uma harmonia com telhados de vigamento exposto e forros de madeira.

O tipo de madeira utilizada influência diretamente em sua durabilidade e resistência ao tempo, devendo ser escolhida espécies resistentes e fortes, para facilitar sua manutenção e ampliar sua longevidade.

O projeto da edificação deverá dimensionar corretamente beirais e varandas como forma de proteger as aberturas da incidência de chuvas e raios solares, evitando o apodrecimento, branqueamento e alguns casos podem levar a troca da peça.

As desvantagens na utilização da madeira são os ataques de pragas, chuva, umidade, raios solares e manutenção constante.

As principais vantagens na utilização da madeira são excelente aspecto visual, valorização dos ambientes, efeito rústico, excelente conforto térmico e acústico.

A instalação do produto deve ser feita por mão de obra especializada como um carpinteiro ou um marceneiro, que deverão aplicar o produto contra cupinicida e selador, como forma de proteger da ação da água e insetos.

Os cuidados com a pintura são essenciais para a longevidade da madeira, por isso utilize selador, stain e vernizes de boa procedência como forma de ampliar a longevidade, proteção e aspecto visual do material, devendo ser reaplicado freqüentemente de ano a ano.

Aço

O projeto da edificação que utiliza aberturas em aço deverá ser dimensionado, de acordo com as medidas disponíveis na indústria, caso haja necessidade de alguma dimensão fora dos padrões, torna necessária a fabricação em alguma serralheria especializada e de confiança, este tipo de processo torna o produto bem mais caro.

A utilização do material é restrita a dimensões especificas dos fabricantes, não se adaptando a qualquer tipo de vão das aberturas, pois geralmente são fabricadas em grandes indústrias que tem janelas e portas padronizadas, restringindo a sua utilização em determinadas necessidades. A padronização de medidas é uma forma que as indústrias encontrarão de reduzir custos e fabricar de forma rápida os produtos.

As principais características da utilização do aço é sua resistência ao tempo, fácil manutenção e de excelente durabilidade, podendo ser utilizados tanto em janelas e portas, dando um efeito estético nem sempre tão agradável.

As desvantagens na utilização de janelas e portas em aço têm relação direta com a instalação inadequada do produto, impactos, ferrugem, falta de manutenção e baixo conforto térmico e acústico.

A utilização do aço está restrita a janelas e portas externas, pois são locais onde há maior intensidade da agressão pela chuva e sol.

No geral as construções são realizadas de forma mista, podendo ser mesclada, com outros materiais, como a madeira, alumínio e vidro temperado, que combinam perfeitamente com aberturas em aço.

Alumínio

A utilização do alumínio em portas e janelas esta atrelada a facilidade de manutenção proporcionada pelo banho de anodização do produto e pelo próprio material ser resistência a ação da corrosão e dos efeitos do sol.

O seu custo é relativamente alto, pois o alumínio é um recurso pouco abundante e de difícil extração e beneficiamento, diferente do ferro que é de fácil procura.

Normalmente este tipo de material chega pronto para ser instalado nas edificações, mas se houver a necessidade de criar alguma abertura diferenciada, o alumínio é um elemento extremamente flexível e de rápida confecção, já que é vendido em barras prontas para serem moldadas de acordo com as dimensões da abertura.

Os principais pontos positivos de utilizar o alumínio em janelas e portas são:

  • Resistência a corrosão;
  • Baixa manutenção;
  • Banho de anodização (anti-ferrugem);
  • Resistência a ação da água e do sol;

Os principais pontos negativos são:

  • Custo elevado;
  • Material de baixa resistência a impactos;
  • Baixo isolamento térmico e acústico;

PVC

As janelas e portas feitas de PVC estão entre os materiais que apresentam melhor qualidade e flexibilidade na criação de modelos exclusivos de acordo com a necessidade do cliente. O produto é resistente, pois no seu interior é constituída de perfis estruturais recheados com uma alma de aço, barreira colocada no interior do batente.

A beleza dos elementos torna as edificações mais agradáveis e valorizam os ambientes, atendendo aos gostos mais exigentes.

Os principais pontos positivos de utilizar o PVC em janelas e portas são:

  • Manutenção simples;
  • Excelente isolamento termoacústico;
  • Não propaga chamas;
  • Não oxida;
  • Resistente a maresia;
  • Pode ser instalado em qualquer etapa da obra (imune a cimento e cal).

Os principais pontos negativos são:

  • Custo elevado;
  • Não aceita pintura;
  • Venda por encomenda;

Conclusão

Todos os elementos têm pontos fortes e fracos, bastando realizar a análise das necessidades para aplicação de um determinado material, verificando custos, dimensões do produto e a estética do tipo de janela e porta.

Cada elemento tem características especificas que determinam em que local do projeto poderá ser utilizado, bastando uma análise criteriosa entre o arquiteto e o proprietário, para obter a melhor escolha.

{ 1 comment… read it below or add one }

denise julho 18, 2012 às 15:00

obrigada pelas orientações, ajudou muito

Leave a Comment

Previous post:

Next post: